A RESERVA DA BIOSFERA TRANSFRONTEIRIÇA MESETA IBÉRICA ASSINA ACORDO DE CRIAÇÃO REDE NACIONAL DE RESERVAS DA BIOSFERA DA UNESCO

Trabalhar “numa lógica de cooperação” para conseguir “uma projecção internacional”, são estes o principais objectivos apontados pelo Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, da assinatura do acordo para a criação da Rede Nacional de Reservas da Biosfera da UNESCO.
A cerimónia da assinatura do acordo aconteceu no início deste mês, na ilha das Berlengas, Peniche, na presença do primeiro-ministro, António Costa, que considera “que esta iniciativa constitui uma mais-valia para o país”, e dá um contributo para “reforçar a coesão entre o continente e as regiões autónomas”.
A Rede vai contar com uma dotação orçamental de aproximadamente 3 milhões de euros.
Existem no país 10 Reservas da Biosfera, entre elas e das mais jovens, a Reserva Transfronteiriça da Meseta Ibérica, gerida pelo Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial ZASNET. Nesta cerimónia o ZASNET foi representado pela presidente da Assembleia- Geral, Berta Nunes, acompanha em representação do território pelos presidentes dos municípios de Vila Flor, Fernando Barros e de Macedo de Cavaleiros, Duarte Moreno e pela vereadora da Cultura do município de Mogadouro, Virgínia Vieira.
Berta Nunes acredita que com esta rede, e em parceria com o Comité MaB nacional, “a Reserva da Biosfera Transfronteiriça vai poder reforçar a sua posição estratégica na conservação do património natural e cultural bem como na projeção turística internacional, deste que é um território de excelência pelos seus recursos e pelo seu património humano”, disse.

Data da Notícia: 
09/04/2016